Bruno Cavalcante

Sempre preocupado em otimizar tudo. Adora coisas bonitas, e acredita que as tecnologias mais fantásticas do mundo devem ser belíssimas também. Não consegue resistir a polir cada pequeno detalhe até que tudo esteja perfeito.

Acompanhe o que Bruno escreve através do feed RSS.

Alvanista no TechCrunch Disrupt SF 2014

escreveu isso em

No dia 5 de setembro de 2014 boa parte da equipe da Alvanista zarpou para San Francisco, Califórnia, em uma missão do SEBRAE onde, entre outras coisas, participaríamos do conhecido evento TechCrunch Disrupt. Passamos pouco mais de uma semana na Califórnia e praticamente não tivemos tempo para turistar. Portanto, se você estava buscando dicas de lugares interessantes por lá, eu sugiro tentar o Yelp ou outro serviço similar. Agora, se você está na dúvida se vale a pena entrar em uma missão de negócios para o Vale do Silício esta… Continuar lendo →

CineFortaleza no seu celular

escreveu isso em

Sabe quando você está fora de casa, longe de um computador, e está querendo saber o que está passando no cinema? Ou então quando você sai de casa com algumas opções de filmes, e horários, para sugerir para seus amigos e, quando encontra com eles, acaba esquecendo? Nós da Astux amamos cinema e passamos por isso muitas vezes, e resolvemos trazer o CineFortaleza, um dos nossos projetos mais queridos, para os celulares – em toda a glória que ele merece…. Continuar lendo →

Sinergia: um estudo de caso

escreveu isso em

Sinergia pode ser definida como o esforço coordenado de vários subsistemas na realização de uma tarefa complexa. É um conceito usado em várias searas, e pode acabar virando lugar-comum e entrar para a nossa lista interna de palavras-chave para usarmos em situações genéricas. Mas, o que isso realmente significa? “… esforço coordenado…”. Sistemas sinérgicos são aqueles que os componentes se auxiliam, se complementam e atuam de forma coordenada para a realização de um objetivo. Pense em um time (ideal), por exemplo. Cada… Continuar lendo →

Apresentando: CineFortaleza

escreveu isso em

Como bom cinéfilo, as salas de cinema aqui de Fortaleza são um dos locais onde você pode me encontrar com maior frequência. Foi lá que tive alguns dos melhores momentos que a sétima arte me proporcionou. Lembro com carinho imenso de quando vi Jurassic Park, Forrest Gump, Senhor dos Anéis, entre tantos outros na sala de cinema. Com o passar dos anos, Fortaleza viu sua quantidade de salas de cinema crescer rapidamente. Hoje, já são tantas que até nem sei de… Continuar lendo →

Música para se escrever (bom) código

escreveu isso em

“Code is poetry”. Essa frase ficou icônica ao ser usada pelo WordPress, e me marcou bastante da primeira vez que a li. Puxa, como eu queria escrever um código que fosse como poesia! Essa busca por um código que fosse eficiente, legível, conciso, previsível e (por que não?) bonito se tornou cada vez mais frequente nas minhas atividades de programação. Ao longo de alguns anos, percebi que algumas variáveis externas tinham um grande impacto na minha capacidade de escrever um… Continuar lendo →

Como nós otimizamos a conversão da Landing Page da Alvanista

escreveu isso em

Alvanista é uma rede social para apaixonados por jogos eletrônicos, da qual sou co-fundador. Emplacar um produto primariamente social não é uma tarefa fácil – muitas vezes o valor deste produto só é percebido quando muita gente o está utilizando. Sendo assim, cria-se uma situação muito ruim: você precisa de muitos usuários ativos, mas os usuários só usarão se já tiver muitos utilizando. Não existe um caminho só para se chegar lá, o que acredito que exista são muitas opções… Continuar lendo →

Quando você precisa escalar: a história do desenvolvimento da Nova Alvanista

escreveu isso em

A Alvanista é uma rede social para amantes de jogos eletrônicos – como este que vos escreve e, quero acreditar, muitos de vocês que estão lendo também. A palavra rede social já deve chamar um pouco a atenção. Esse termo está associado à um conjunto de features comuns, que envolvem a interação entre os usuários da aplicação. Esse feature set costuma causar situações de alta demanda, e costuma não ser tão trivial quanto outros de se escalar – uma maneira mais elegante de dizer… Continuar lendo →

Alvanista: 2012

escreveu isso em

Era setembro, ainda 2011, quando comprei meu primeiro console em mais de 10 anos: o Playstation 3. Meu último console havia sido o Playstation, conhecido pelo fácil e barato acesso aos jogos – kudos para a pirataria no Brasil. Estava com muitas atividades no trabalho, faculdade, e precisava de um lugar pra fugir um pouquinho de tudo isso e relaxar. Quando criança, sempre fui muito apegado aos jogos. A cada natal, sempre torcia pra ganhar algum jogo, ou o mais… Continuar lendo →

Rails 3.1 + PJAX

escreveu isso em

PJAX is javascript project that loads HTML pages from your server straight into the current page without refreshing the entire thing. You can know more about this project, including a very curious demo application, in http://pjax.heroku.com. I’ve been using it in some of my projects, and I gotta say: it’s just awesome. The website becomes so much more fluid and fast, it’s a beautiful thing. As almost everything in Ruby, to use it in your very own project, there’s a gem… Continuar lendo →

Internacionalização no Rails 3

escreveu isso em

Trabalhar com i18n (internacionalização) no Ruby on Rails já era, em suas versões anteriores, um prazer – e na versão 3.1 houveram algumas adições interessantes neste aspecto do framework. A documentação oficial é ótima, porém deixa a desejar em alguns casos que acabam sendo bem frequentes. Neste post irei tentar ajudar com alguns tópicos não-triviais de uma aplicação com i18n em Ruby on Rails, baseado na experiência que tive e estou tendo no desenvolvimento da nossa querida plataforma open source… Continuar lendo →